sexta-feira, 29 de julho de 2011

CRISE FINANCEIRA




RODÍZIO DE UMA NOTA DE R$ 100,00

Numa cidade, os habitantes, endividados, estão vivendo às custas de crédito.
Por sorte chega um gringo e entra no único hotel.
O gringo saca uma nota de R$100,00, põe no balcão e pede para ver um quarto.
Enquanto o gringo vê o quarto, o gerente do hotel sai correndo com a nota de R$100,00 e vai até o açougue pagar suas dívidas com o açougueiro.
O açougueiro, pega a nota e vai até um criador de suínos a quem deve e paga tudo.
O criador, por sua vez, pega também a nota e corre ao veterinário para liquidar sua dívida.
O veterinário, com a nota de R$100,00 em mãos, vai até à zona pagar o que devia a uma prostituta (em tempos de crise essa classe também trabalha a crédito).
A prostituta sai com o dinheiro em direção ao hotel, lugar onde levava seus clientes; e como ultimamente não havia pago pelas acomodações, paga a conta de R$100,00.
Nesse momento, o gringo chega novamente ao balcão, pede sua nota de R$100,00 de volta, agradece e diz não ser o que esperava e sai do hotel e da cidade.
Ninguém ganhou um vintém, porém agora todos saldaram suas dívidas e começam a ver o futuro com confiança!

Moral da história: Quando o dinheiro circula, não há crise !!! Portanto não deixe seu dinheiro mofando debaixo do colchão, coloque-o para circular. E seja consciente.

2 comentários:

  1. vou abrir uma banca nessa cidade

    ResponderExcluir
  2. Adoooro seu blog profº, sou aluna de Direito da UnP e geopolítica é uma matéria que tenho dificuldade, mas com essas formas inovadoras de explicar e fazer o aluno compreender fica muito mais fácil. Não tive a honra de ser sua aluna, Sami foi o meu professor no Cade Parnamirim, mas ele também foi excelente e como vc ajudou-me a despertar essa criticidade tão validada em assuntos políticos, econômicos...abraço

    ResponderExcluir